Montevidéu, Uruguai

Montevidéu, Uruguai

 

 

Lá pelos idos de novembro de 2004, ganhei minha primeira câmera fotográfica digital, uma Sony Cybershot P100 de 5 megapixels, uma das melhores amadoras na época. Com ela em mãos, pude registrar a viagem seguinte em seu incrível cartão de 32 mb (!) de memória, no mês seguinte, após concluir o ensino médio.

 

Punta Carretas

 

Eu e meus pais ficamos hospedados em um hotel à beira da foz do Rio da Prata, no bairro Punta Carretas, em frente a um shopping center. A agradável vista lembra bastante à da beira-mar de Florianópolis. Assim como em minha terra natal, aqui também há calçadões e ciclovias que convidam os moradores e turistas à prática do exercício físico ao ar livre.

 
beira-mar punta carretas
 

Próximo fica o local onde o sábio ex-presidente Mujica ficou preso quando guerrilheiro, e que hoje é um shopping. Lá provei uma iguaria uruguaia, o chivito, que é nada mais do que um sandubão recheado de carne e outros acompanhamentos, como batata-frita e salada.

 
chivito punta carretas
 

Em seguida, foi a vez de visitar o centro e arredores. Assim como a capital argentina, o centro histórico de Montevidéu apresenta uma arquitetura baseada na Europa. Entre as construções antigas, destaca-se o Palácio Legislativo, construído no começo do século passado, e declarado Monumento Histórico Nacional.

 
palácio legislativo montevidéu
 

Do outro lado da baía portuária, fica a Fortaleza del Cerro, de onde se pode visualizar boa parte da cidade. Em anexo, jaz um museu que conta a história militar uruguaia e a utilização desse forte como ponto de defesa.

Como se pode observar, a claridade da água não é algo de que os montevideanos podem se orgulhar.

 
fortaleza del cerro
 

Também há um zoo na cidade, que contém os animais que tradicionalmente se vê em um estabelecimento do tipo, além de uma peluda e carismática lhama branca. Só não chegue muito perto ou provoque o bicho, pois é sabido que esse animal é particularmente sensível e tende a cuspir em quem o desagrada ou em quem ele não vai com a cara.

 
lhama zoo montevidéu
 

Os dias foram de muita comemoração, pois nesse intervalo de tempo passou o Natal, meu aniversário, fiquei sabendo que havia sido aprovado na faculdade federal e ainda havia o réveillon a vir! Do topo do edifício do hotel vimos a breve passagem dos fogos de artifício na rambla (beira-mar), antes de seguirmos viagem para a ponta sudeste do Uruguai.

 

 

.

.

Um comentário sobre “Montevidéu, Uruguai

Deixe um comentário